O que é uma cortina blackout e como usá-la?

Você já acordou antes do horário com o sol batendo diretamente no seu rosto, mesmo com a cortina fechada? Quando ocorre na manhã daquele domingo sem compromissos, esse inconveniente pode ser ainda pior. E aquele sol de rachar batendo contra a tela do seu computador, dificultando a visualização de um filme ou mesmo do trabalho […]

26 de julho de 2019 0

Você já acordou antes do horário com o sol batendo diretamente no seu rosto, mesmo com a cortina fechada? Quando ocorre na manhã daquele domingo sem compromissos, esse inconveniente pode ser ainda pior.

E aquele sol de rachar batendo contra a tela do seu computador, dificultando a visualização de um filme ou mesmo do trabalho que você precisa entregar? É complicado. Nem toda cortina está pronta para bloquear esses raios solares.

Você sabia que existe uma solução bem prática para esses e outros problemas relacionados? Isso mesmo. A cortina blackout, ou blecaute, foi feita especialmente para não deixar que situações como essas virem rotina na sua casa.

É uma solução fácil para deixar os ambientes mais escuros, trazendo verdadeiras melhorias para a vida: seja garantindo um sono mais saudável e duradouro, criar um ambiente propício para o trabalho ou entretenimento, entre tantos outros.

Além disso, a cortina blackout também pode se tornar uma ótima peça de decoração, já pensou? Ao escolhermos um apartamento novo ou reformar o nosso, nem sempre nos ligamos a essa questão específica da posição do sol e como ela afeta os ambientes.

 

A verdade é que o setor imobiliário já está ciente disso. Aquele apartamento ou casa que capta melhor o sol da manhã vai acabar sendo mais valorizado, por oferecer esse benefício ao cliente.

Pode notar: nos melhores espaços, o sol da manhã é mais presente, enquanto o da tarde, mais forte, não tanto. Essa fase do sol esquenta demais os locais e pode causar problemas como aqueles relatados.

Como nem todo espaço tem o privilégio de pegar o sol apenas nos pontos mais confortáveis, é importante pensarmos em soluções para isso, não é mesmo? Por isso, a opção mais sensata é adquirir uma cortina com blackout. Vamos entender, a seguir, tudo o que você precisa saber para isso!

 

As principais vantagens da cortina blackout

Essencialmente, ela possui um tecido mais grosso que é adicionado sobre a cortina, ou pode mesmo ser uma camada a mais acrescentando o volume necessário.

Para colocá-la, existe duas formas práticas:

  1. Presa à cortina: assim, ela fica como um adereço, garantindo uma maior durabilidade para quem pensa em mantê-la ali por mais tempo.
  2. Presa como camada adicional: caso você prefira a opção de proporcionar mudanças mais constantes no ambiente, você pode colocá-la como uma camada adicional atrás da sua cortina já existente. Isso é especialmente prático para quem pensa em trocar de cortinas mais vezes.

 

Além do benefício de cortar os raios solares, a cortina blackout ainda tem outra vantagem: sua capacidade de reter calor. O calor que vem do ambiente permanece retido do lado de fora, amenizando a temperatura.

Com a cortina blackout, 30% do calor que entraria no ambiente fica retido. Considerando as temperaturas de várias localidades brasileiras, essa é uma vantagem bem interessante.

O ruído também é outro ponto essencial a ser considerado, principalmente se você vive em uma cidade movimentada. A cortina blackout também ameniza essa questão.

Quando adicionada, a cortina ainda pode diminuir os ruídos vindos de fora, garantindo ainda mais tranquilidade para os seus espaços e um sono com menos interrupções.

Médicos também aconselham o uso das cortinas blackout para diminuir o nível de radiação nos quartos. Essa pode ser uma medida eficaz para proteger a família dos efeitos nocivos dos raios solares.

Quando falamos em qualidade de sono, também é importante considerar que esse é outro fator que envolve saúde. O ambiente mais calmo e escuro promove melhor relaxamento e menos distúrbios durante o sono.

Para os que sofrem com alergias, existem opções de produtos que promovem uma lavagem fácil. Linhas de cortinas de PVC, por exemplo, podem ser higienizadas rapidamente.

A limpeza é fácil: você só precisa umedecer um pano no álcool e passar pela mesma. Simples assim! Você nem precisa tirá-la do varão para limpar de forma a evitar ataques alérgicos inesperados.

 

As principais diferenças entre cortina blackout e cortina comum

Talvez, mesmo depois disso tudo, você esteja se perguntando: quais são realmente as maiores diferenças entre a minha cortina comum e uma cortina blackout? Será que com a sua cortina comum você tem as mesmas vantagens?

O principal diferencial está no tecido. O tecido mais grosso da cortina blackout confere todos os benefícios que uma cortina comum não entrega. Diferente da comum, a blackout apresenta espessura essencial para bloquear a entrada de luz e até ruído.

Por mais que a sua cortina seja em tons mais escuros, a cor não é o ponto que vai fazer a diferença aqui. Para evitar a claridade incômoda, apenas o tecido da cortina blackout.

 

Como usar a cortina blackout a favor do seu ambiente?

Ressaltamos bastante o aspecto principal da blackout: cortar a luz que invade o ambiente. Isso significa, é claro, que essa cortina costuma deixar a sua casa mais escura quando for do seu interesse.

A primeira dica, então, é pensar em instalar as cortinas em locais como sala ou quarto, onde seus recursos podem ser melhor usufruídos. Logo após, fique atento às medidas.

Para ser funcional, a blackout precisa tapar completamente a entrada do sol. Uma boa medição é essencial nesse momento de escolha

Isso não significa que você não pode colocar a cortina blackout na cozinha, por exemplo, mas cabe a reflexão: pense nos pontos onde o sol da tarde entra mais frequentemente.

Onde você precisa mais? Onde o sol interfere mais no seu sono, trabalho ou entretenimento? Se o sol da tarde bater na janela da sua cozinha, talvez uma blackout seja interessante para proteger os móveis.

 

 

Caso a decoração do ambiente não esteja adequada a uma cortina mais escura, sempre é bom lembrar que a blackout pode ser instalada por baixo da sua cortina comum.

A de cima, inclusive, pode ser mais transparente, garantindo a entrada de luz sempre que achar conveniente, abrindo a cortina blackout quando não precisar dela.

 

Dicas especiais para a instalação

Após a medição de largura e comprimento, vem a hora de escolher o  tecido ideal para a sua cortina blackout e trabalhá-lo de forma adequada ao espaço. Trabalharemos com no mínimo 40 centímetros de folga a partir da medida necessária.

O varão ou trilho também precisam de um cuidado especial: indica-se que eles tenham 20 centímetros a mais de cada lado em relação ao tamanho da janela, garantindo o melhor aproveitamento da cortina.

Se você não gosta de deixar o trilho visível, sempre há a opção de contratar um profissional ou empresa especializada com gesso para criar um cortineiro. Isso assegura um acabamento que rebaixa o teto do lar em aproximadamente 15 centímetros, criando um “vão secreto”.

Levando em conta esses lembretes, não tem como dar errado. É mais conforto para a sua casa independente do ambiente e do horário do dia, com os mínimos recursos.